sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Quer saber como tirar o cheiro de cocô do carro? Pergunte-me como. (O cocô 2 - a revanche / continuação da última postagem)

"Como vai sair esse cheiro do carro?", eu me perguntava, quase suando frio.
Primeira coisa a fazer: checar o tamanho do estrago. Paramos em um posto de gasolina e desci para olhar o quanto tinha pisado. Resultado: muito. Então pedi para meu sobrinho descer e avaliá-lo também. Foi aí que, ao atestar que ele também tinha pisado - em cheio! -, ouvi um lamento do outro lado do veículo. A Ju estava vendo o banco e uma mancha morrom característica. Rezei para não ser, pedi a todos os santos que conhecia por um milagre, até cheirei pra mostrar que tinha fé neles. Mas era.
Um dia, exagerei sem querer em um perfume doce, o que deixou minha esposa com dor de cabeça e enjôo. Resolvi brincar para amenizar a situação:
- A gente pode pegar aquele meu perfume e jogar no carro pra disfarçar o cheiro... -disse com um sorrisinho amarelo.
O tiro saiu pela culatra, ela disse que preferia o cheiro do cocô.
O frentista, muito gente boa, se compadeceu ao ver nossa cara de "fiz merda" ou melhor, de "pisei na merda" e a cara de brava da Ju e lavou a sola de nosso tênis. Eu e o Luquinhas esperamos descalços ali ao lado.
A Ju teve uma ótima idéia, na loja de conveniência do próprio posto, e comprou aqueles lenços umidecidos cheirosos. Aqueles de limpar a bunda de nenêm. Não limparia a bunda de um, mas o produto higienizado seria o mesmo.
Bingo! os paninhos limparam tudo, tanto os tapetes, pisados por mim, quanto o banco, pisado pelo Lucas, e ainda deixou um cheirinho de bosque e não da palavra semelhante a essa.

Resultado: pisou no cocô de cachorro = posto de gasolina, água na sola e lenços umidecidos no estrago.

14 comentários:

  1. Convido voce pra conhecer esse outro espaço meu ,depois me diz http://meusreflexoscontostextoseafins.blogspot.com/2010/09/so-uma-con-ver-sameio-sem-pe-nem-cabeca.html
    Lindo sabado.
    Bjins entre delírios e delírios

    ResponderExcluir
  2. Na verdade são 2 endereços, o que posto esse comentario que so d epoesia
    e o que dexei o endereço.

    ResponderExcluir
  3. Olá Reflexo d Alma! Tudo bem?

    Conhecerei seus blogs, sim. Obrigado pela visita!

    Ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  4. kkk!!! Tinha lido o post anterior mas não comentei por falta de tempo e também por não saber como manter o cheiro do carro novo...
    Mas que bom que tudo se resolveu...
    Obrigada então pela dica...
    felicidades

    ResponderExcluir
  5. Ahh... se eu pudesse limpar assim todas as caquinhas que já fiz na minha vida...
    hehehe

    Conhece a piada do palmeirense que comprou um carro novo?

    Lá vai:

    "O cara comprou um carro novo, moderno, ultima geração. Ao ligar o som o computador de bordo pergunta qual o estilo de música que o motorista deseja ouvir e ele todo contente resolve testar o carro. Pega estrada a 200 km/h e liga o rádio e o computador pergunta:
    - Estilo de música, por favor?
    - Rock.
    Aí começou a tocar rock.
    -Rap
    Começou a tocar Rap.
    -Pop
    Começou a tocar pop.
    Ele tão empolgado com o rádio não prestou atenção no poste e bateu.
    No mesmo momento ele gritou:
    -MERDA
    (Rádio)-Quando surge o alviverde imponente..."
    Hehehehehe

    Bjão!

    ResponderExcluir
  6. Santa Ju (rsrrs).
    Um ótimo domingo.'

    ResponderExcluir
  7. hahahahaha, Wolber, meu amigo!

    Pontoooooo pra Ju!! (Nós mulheres somos demais )!

    Esses lencinhos umidecidos são show mesmo, nem eu havia pensado nisso.
    Mas agora, já anotei a dica da Ju para possiveis cheiros de cocô no carro.
    E que bom, que voltou o cheiro de bosque.
    Mas cuidado heim meu amigo, agora veja por onde pisa hahahahaha.

    Obrigada pelas palavras no blog da Suzana!
    Eu disse a ela, o quanto sou feliz pelos amigos que conquistei aqui.
    Pessoas do BEM.
    E você é um desses amigos Wolber!
    Obrigada pela acolhida dessa amizade.
    Você é um amigo querido, que eu também peço a Deus que eu possa levar pela vida toda.

    ResponderExcluir
  8. Olá amiga do burro que chora!! Tudo bem?

    Haha, pois é, tudo voltou ao normal. Até o cheiro... ;)

    Obrigado pela visita!!

    Um abração!

    ResponderExcluir
  9. Hahahaha!! Olá, minha amiga policial!

    Muito boa essa piada, eu não a conhecia. Imagine se não a mostrei para meu irmão, que é palmeirense roxo (ou melhor, verde, porque roxa é a outra camisa do "curíntia").

    Ah, e não acredito que você tenha feito tantas caquinhas na vida assim. Duvido! :)

    Obrigado pela visita e pela piada. ;)

    Um grande abraço e bom domingo para você!

    ResponderExcluir
  10. Rsss! Oi Kátia!

    Você vê só? É uma maneira de evoluir o espírito. Na verdade estamos contribuindo com a evolução espiritual dela.

    Temos que olhar o lado bom de tudo, não é?

    Beijo!

    ResponderExcluir
  11. Maravilhosoooooooo....
    quase morri de rir
    beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Sil!! Tudo bem?

    Que recado bacana de se ler. Eu é quem agradeço. Você é uma pessoa nota 10 e merece tudo o que todos dizem mesmo.

    Prazer ter você aqui e sua amizade!! De coração.

    m grande abraço a você!

    ResponderExcluir
  13. Oi Thais!! Tudo bem?

    Pois é, pimenta no olhos dos outros, ou melhor, merda na sola dos outros é refresco, não é??

    Hahaha, desculpe a brincadeira, mas não poderia perder essa piada ;)

    Fico feliz que a história possa ter tirado um sorriso seu!!

    Um grande abraço e bom domingo!

    ResponderExcluir
  14. Passei por algo muitíssimo parecido hoje, só que o estrago foi maior, pincelei o volante e os bancos também, além dos tapetes e pedais..então haja lenço umedecido...
    Mas gostei da idéia, amanhã mesmo vou aplicar..isso se já não for tarde demais!

    ResponderExcluir