domingo, 19 de setembro de 2010

Um dia de atendimento

Que imagem temos quando pensamos em um dentista? Um consultório sóbrio, sério. Um profissional que chegará de branco para atender em uma sala, a sós. Medo. Infelizmente, não são boas as nossas primeiras impressões.
Tentamos fazer diferente. A idéia é montar um consultório dentro da sala de aula de escolas no sertão brasileiro, então por que não dar às crianças uma outra imagem? De que o dentista pode brincar com a crinçada enquanto atende, dar risada com elas, jogar água para acabar com a bagunça, pegar o violão durante alguns minutos do dia. Já ouvimos muitas crianças dizendo que morriam de medo e resolveram passar ali, serem atendidas dentro da sala de aula.
Não se trata de um texto narcisista, de modo algum. É apenas uma amostra de como os dentistas do Instituto trabalham. A idéia, também, é ter as crianças próximas, olhando, aprendendo porque o dente do amiguinho está com aquele buraco enorme - como o seu - e o que ela precisa fazer para não ter esse problema nunca mais.
É completamente agradável, são muitas as vezes que crianças ficam o dia inteiro ali, ao meu lado, brincando, aprendendo, cantando. Não é à toa que trabalho muito mais tempo que em meu consultório, em São Paulo, mas me canso muito menos. Ou melhor, não me canso.


A professora que filmava não enquadrou muito bem... :) Mas dá para ter uma idéia.
Atendimento na querida escola do Pé do Morro, em São Raimundo Nonato-PI.

37 comentários:

  1. Wolber,

    Bom diaaaaaaa meu amigo!

    Olha, se todos os dentistas fizessem isso rs, eu garanto que acabaria a famosa "Sindrome do jaleco branco".
    Sei que é inerente a pessoa, mas tem dentistas, médicos tão sisudos, que a gente se sente indo pra sala do terror kkkkk.
    Você sabe disso.
    Wolber, nada como chegar em um lugar, ser atendida por um profissional que te abre um sorriso, que conversa com você, que tira seus medos, que te descontrai.
    Principalmente em relação as crianças. Vejo isso com o pediatra da minha filha. E olha que ela tem 16 anos e ainda a levo lá, por ser um profissional que já virou amigos (16 anos né).
    E assim faço com outros profissionais tbm. Não gostei?
    Nem volto mais.
    Tudo é questão do profissional se colocar no lugar do paciente.
    Posso te confessar uma coisa? Uma coisa que jamais vou esquecer?
    Perdi um pouco o medo de dentista, porque tive um na vida que morriaaaaa de medo de dentista kkkkkk, sério.
    Quando ele mesmo me confessou isso, eu vi ali um profissional competente, mas tbm humano.
    E ele me deixou tão a vontade nessa confissão que tudo se tornou mais fácil.
    Não era uma paciente com um monstro, era uma paciente com um ser humano.
    Belo trabalho meu querido.
    Não canso de te dizer isso.
    Esse trabalho é divino.
    Deus agradece aos homens de boa vontade.
    Um abração e um dia super legal!

    ResponderExcluir
  2. Olá Sil, minha querida amiga! Tudo bem?

    Que bacana o que você disse e tem toda a razão. Sempre o profissional acalma e "ganha" o paciente no sorriso. Que deve ser verdadeiro, não apenas simpático.

    É difícil falar sobre isso, pois é muito mais filosófico do que material, mas o sorriso dado com o coração acaba com o medo, fecha contratos, ganha uma concorrência, consegue um emprego.

    Esse "se colocar no lugar da pessoa", a empatia, faz toda diferença em qualquer área, e nos torna seres humanos melhores.

    Sil, sempre um grande prazer receber sua visita!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Meu querido amigo Wolber.
    Wolbinho era o q eu escutava qdo pacientes o procuravam ano passado...e eu nem te conhecia.
    Tantas coisas boas ouvi falarem de vc em 2009 q me deixou curioso a seu respeito.
    Esse ano pude conhece-lo "ao vivo",a principio rapidinho numa noite de mto cansaço de viagem chegando em Crateús,CE,vc junto a "uma figura" Fernando Laudares.
    Te confesso que vcs foram duas "figuras"que fizeram o restante da viagem (ja andada!)uma
    coisa interessante ,gostosa, movimentada....
    Vc fez valer o q ouvi de vc!
    Te confesso que senti uma inveja gostosa qdo daquela nossa prosinha junto as meninas de Curral do Meio e todo o carinho que sentem pelo Wolbinho q ja escrevera sua história por la nos anos anteriores...
    De fato essa de consultório sóbrio,de sofrimento,de roupa branca impecável,é algo que não se ve por la.O que se faz é levar mto carinho e atenção aquele povo sofrido,carente e cheio de alegria e atenção ao nos receber.
    Trazer de la mto mais do que levamos,trazer o sentimento de que temos mto a aprender por la no sentido de solidariedade ,respeito e pensamentos de mudanças nas nossas vidas,simplifica-las,repensa-las!
    Naquelas crianças,nos adultos q as acompanham,nos rangos fartos,nas redes cheirosas que nos esperam ja amarradas em algum quarto ou varanda,nos roncos cansados e merecidos pra um sono de umas 3 ou com sorte 4 horas...vejo solidariedade,alegria ao acordar e poder dar mais um dia com prazer e atençao a quem nos da tanto!
    É isso meu amigo,é isso q nos faz sentir especiais pelo tão pouco a oferecer e pelo tão grande a receber desse povo de convivencia tão pequena e que nos aguarda com tanto carinho pelo ano todo...
    Quero dar mais,até qdo eu puder e Deus assim permitir...
    Fica em paz meu querido e que Ele o abençoe pela pessoa que é.
    Abraço,carinho,

    Cairo

    ResponderExcluir
  4. Se vc souber o medo que ainda tenho de dentista, parece até hilário, mas é real.

    Obrigado pela sua presença no meu blog, volte sempre que quizer será um imenso prazer te receber de novo.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  5. "Eita"..!
    Sexta é aqui!

    Iremos nos ver... rsrsr :)
    Será que é um Luau mesmo?

    Estamos em contagem regresiva!
    Aguardamos a sua chegada :D

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Olá Joyce!! Tudo bem??

    Haha, pois é, sexta estaremos aí! Também estamos contando os dias para matar a saudade de todos!

    O Luau é por nossa conta! ;)

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  7. Grande Cairo!! Como vai, meu amigo?

    Que prazer recebê-lo aqui! Foi uma grande alegria conhecer nesta viagem o famoso dr. Cairo.

    Tudo o que você disse foi tão bacana e emocionante, que só posso dizer que é recíproco. O momento em que nós conversamos naquela festa de Crateús foi muito bacana. Parecíamos grandes amigos de tempos e tempos atrás, e foi a primeira vez que batemos um papo de verdade.

    Só posso dizer que admiro muito o profissional e a pessoa que você é e que faço questão de viajarmos outras e outras vezes juntos, fazendo o que você definiu tão bem: ajudando e aprendendo.

    Já disse aqui outras vezes e repito: é a melhor coisa do mundo. Bom ter amigos como você ao lado nessas ocasiões. (ainda mais na mesma área!!).

    Muito obrigado por tudo Cairão!!

    Um forte abraço!

    ResponderExcluir
  8. Olá amiga dos Caminhos da vida!

    Rs, na verdade é mais fácil perguntar "quem não tem medo de dentista". Aí tentaremos encontrar alguém...

    Foi um prazer conhecer seu blog!

    Prazer tê-la aqui também.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  9. Olá Wolber, eu também concordo com o que diz a Sil,eu quando tive na tropa tirei um dente, o tenente dentista não era um ser humano era sim um grande animal,e depois já cá fora da tropa,
    encontrei dentistas quase iguais à aquele, ultimamente não é assim, a extracção de um dente já não dói, o arranjo também não, e os dentistas já têm maneiras para para lidar com pessoas.
    Por aquilo que vejo de si,dá para ver que é uma pessoa bem formada, e lida com as pessoas como pessoas.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  10. Wolber,

    Bom dia meu amigo queridoooo!

    Mas é óbvioooooo que vou assistir, e te agradeço por vc ter me avisado.
    Estarei ligada na gazeta hj, ebaaaaa.

    Um abração meu!

    ResponderExcluir
  11. Olá José! Tudo bem, amigo?

    Vocês tem razão. Como em qualquer profissão, há sempre os bons e os mals profissionais. E em relação à odontologia não é diferente, mas há o agravante da dor, muitas vezes pré-atendimento e que pode se extender durante e após.

    Medo de dentista é algo generalizado nos dias atuais e imagino que levaremos muitas décadas para mudar este cenário.

    Um grande abraço, José!

    ResponderExcluir
  12. hahahhaha, tá bom meu querido, da próxima me avisa antes hum.
    Mas valeu Wolber, eu vi o video que vc mandou (Fiquei emocionada - sou uma maria mole mesmo rs), e vou ver todos dessa grade.
    Entrei no site da Gazeta, mas acho que ainda não esta na grade, por ter sido recente, mas vou ficar de olho.
    É lindo demais o trabalho de vocês, e vendo o sorriso daquela criançada, dos mais velhos....me diz, tem pagamento melhor?

    Um abraço dessa sua amiga que te admira demais!!!!

    ResponderExcluir
  13. Olá Sil!!

    Minha amiga, o programa foi ontem. Sei que passei em cima da hora.

    Mas segue este link, onde você pode conhecer um pouco mais do trabalho: http://www.youtube.com/watch?v=fIfGTNtf5rQ&feature=related

    Espero que goste.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  14. Oi Sil!!

    Que bom que gostou! Realmente não há melhor pagamento do que aqueles sorrisos.

    Obrigado por tudo, minha amiga!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. 21 de Setembro!
    Dia Mundial Pela Paz!
    E que a Paz Reine Em Nosso planeta!
    E que o Amor Vença A Guerra e Todos Os Seus Aliados!
    Viva a Paz!
    Um Beijão Bem Grandão no Seu Coração!

    ResponderExcluir
  16. Olá Rosane! Tudo bem?

    Me junto ao seu grito pela paz!!

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  17. Quando eu era pequena eu detestava dentista...
    Mas com o seu sorriso lindo acho que seria mais fácil gostar...
    felicidades

    ResponderExcluir
  18. Oii !
    Que lindo tudo isso !!! Só pra vc ter uma idéia minha dentista é em uma clínica de estética, então é o maior bububu da mulherada se embelezando, o que torna a ida ao dentista menos desagradável !!!
    Realmente dentista é o ó só de pensar ! Meu medo é fechar a boca e aquela coisa me furar toda rs, e por incrível que pareça adoro anestesia rs !
    Mas achei ótima esse consultório dentro da sala de aula pra descaracterizar essa p^nico todo, que no fim das contas os adultos que devem passar pra eles, né...porque enquanto crianças eles vão se guiando pelas coisas que ouvem.
    Beijo

    ResponderExcluir
  19. Olá, amiga do Burro que Chora!! Tudo bem?

    Nossa, que honra ganhar um elogio desses! Muito obrigado, mesmo.(ainda bem que o enquadramento e a qualidade do vídeo estava ruim, até passou uma boa impressão do dentista lá dentro... rs)

    É um prazer tê-la por aqui. Fico feliz.

    Grande abraço!!

    ResponderExcluir
  20. Oi Ana!!

    É exatamente isso que você comentou. Aqui mesmo, em São Paulo, canso de ouvir pais que trazem seus filhos para acompanhá-los dizerem: "olha, não faz bagunça senão eu mando ele dar uma injeção na sua boca, hein?!"

    O que esperar da criança num atendimento futuro? Ainda mais se vier com dor de dente. Claro que eu falo para eles não dizerem tais coisas, mas é difícil...

    É isso, minha amiga. Um abraço a você!

    ResponderExcluir
  21. Uia que legal!!!

    Eu sou daquelas que morre de medo de dentista!! Que treme só de sentar na cadeira !!! rsrss

    bj e parabens

    ResponderExcluir
  22. Passando por aqui percebi que seu blog é interess vc não ante pois relata fatos e tem assunto que não seja a poesia de alguém ou coisas difíceis de fazer algum comentário...

    Adorei as dicas de como se livrar do cheiro do cocô... e olha se vc não sabe... o cheiro de carro novo é uma essência utilizada na fábrica e realmente vale uma fortuna...

    Adoro cerveja quando esta no ponto de "quase" congelar... mas tb não sou um bebedor de carteirinha... só eventual mesmo....

    Valeu!

    ResponderExcluir
  23. oi IRMAZINHO.
    cara falta muito pouco,e irmazinho eu queria te pergunta se você não poderia tazer o seu album de fotos do casamento seu e da ju.
    por favor.
    ah...
    e diz a o luis que muitissimo obrigando pelo presente.
    e irmazinho eeu sei que eu estou fazendo do seu blog um okut mais,
    eu queria pergunta se vc vem no carro do ibs ou no seu.
    diz a luis que o presente dele esta aqui.

    UM
    ABRAÇÃO.

    ResponderExcluir
  24. oi IRMAZINHO.
    como a joyce disse"Estamos em contagem regresiva!"para sexta feira.e se vcs quiserem nós podemos jogar futebol com o pessoal que vc já conhecem mais não é aqueles que vcs já jogaram.
    um
    ABRANÇÃO.

    ResponderExcluir
  25. Oi Déia! Tudo bem?

    Imaginei que você, controlaria sua mente e analisaria o dentista, para saber se poderia confiar nele ou não... rs

    Pois é, minha amiga, quem não tem medo de dentista? Eu mesmo, não tenho medo, mas quando sento na cadeira para fazer algo, sinto aquela pequena ansiedade.

    Fazer o que? Ossos do ofício.

    Beijão!

    ResponderExcluir
  26. Fala Marcos! Tudo bem?

    Cara, que legal, 3 comentários em 1. rs

    Muito obrigado pelas palavras a esse blog, valeu mesmo.

    E não sabia que aquele cheiro é, realmente, uma essência. Até imaginava que seria o fato de estofado, plásticos, borracha, tudo novo.

    É um prazer tê-lo aqui!

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  27. Gentennn!!!
    Como ele é lindo!!!
    Olha isso!!!
    Pronto... estou perdidamente apaixonada por esse macaquinho aí pendurado.

    Quero um desses pra mim, Dr. Wolber.

    ResponderExcluir
  28. Hahaha! Fala Luan!!

    Muito engraçado: "fazendo de seu blog um orkut". Tá em casa.

    Cara, por incrível que pareça o álbum ainda não está pronto, mas tenho um cd com as fotos e o levo para você ver, se a gente encontrar algum computador para vê-las.

    Pode deixar que eu dou o recado ao Luis. E nós não vamos no carro do IBS, alugamos um em Recife, vamos para Manari e na sexta de noite para sua terra.

    Falta pouco, irmãozinho!!

    Um abração e até daqui a pouquinho!

    ResponderExcluir
  29. Pode marcar um futebolzinho no sábado de tarde! Maravilha!

    Mas do time do IBS só terei eu e o Wanderson.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  30. Hahahahahaahaha!!!

    Olá, minha amiga policial! Incrível, mas pelo pouco que te conheço já imaginava ou uma tiração de sarro ou algo diferente nos elogios. rs Mas não esperava falar do macaquinho.

    Que legal que você o notou, ele se chama Tião. Sabia que tem até história em quadrinhos para colorir, que ensina as crianças do sertão a escovar os dentes?

    Pois é minha amiga, o Tião é famoso. Mas verei o que posso fazer por você... ;)

    Valeu a visita! Beijos!

    ResponderExcluir
  31. Hahaha! Olá, amiga policial!

    Atender, só de máscara mesmo. (tem horas que nem ela dá conta! rs)

    Muito obrigado pelos elogios, apesar de saber que são apenas para que eu lhe apresente o Tião.

    Mas tudo bem, o que eu não faço por meu amiguinho macaco...

    Um dia te mando a história em quadrinhos dele.

    Grande abraço!!

    ResponderExcluir
  32. Oi nossa, que barulhão!
    Você torce pra que time?
    Você tem muitos comentários e seguidores. Legal!
    Um abraço do Guilherme.

    ResponderExcluir
  33. oi amigo !Posso chama-lo assim espero que sim .Fico feliz em vê que a sugestão q eu pedi para vc narrar de um dia de atendimento no sertão deu certo, e é assim que vc é :motivador, pois a cada consulta na zona rural do ceará os alunos ficam encantados com a musica, a conversa e a simplicidade da pessoa do dentista e perceber que o doutor não é nenhum ser de outro planeta e sim um simpático dentista que eu passei a admirar e senti orgulho pela sinceridade nas narrações e da forma clara que direciona suas narrativas. Boa sorte e ate breve.

    ResponderExcluir
  34. Olá Guilherme! Tudo bem?

    Pois é, meu amigo. Esse barulho é do compressor que fica embaixo da cadeira. Imagine como fica meu ouvido no final do dia?! rs

    Eu torço para o Santos, tem até algumas crônicas mais antigas de jogos em que eu fui.

    Muito obrigado pela visita e pelas palavras!!

    Um abração!

    ResponderExcluir
  35. Olá Paula!!

    É claro que pode me chamar de amigo, pois é o que somos. Fico muito feliz com seus comentários e visitas no blog. Obrigado!

    Agradeço também pelas palavras, é sempre um prazer enorme trabalhar nas escolas e Crateús está bem guardada no coração de todos nós.

    Breve retornaremos. Um grande abraço!

    ResponderExcluir